terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

Vélez pede desculpas por declaração feita em entrevista | Clic Noticias

Ministro da Educação teria dito que “brasileiro viajando é um canibal” para revista

Em entrevista, Vélez disse que
Em entrevista, Vélez disse que “o brasileiro viajando é um canibal” | Foto: Marcello Casal Jr. / Agência Brasil / CP
O ministro da Educação, Ricardo Vélez, desculpou-se nesta segunda-feira pelo Twitter por uma declação dada em entrevista à revista Veja, na edição de 6 de fevereiro: “Amo o Brasil e o nosso povo, de forma incondicional, desde a minha chegada aqui, em 1979 e, especialmente, desde a minha naturalização como brasileiro, em 1997.  A entrevista à revista Veja colocou palavras minhas fora de contexto. Peço desculpas a quem tiver se sentido ofendido.”
Na entrevista, Vélez disse que “o brasileiro viajando é um canibal”. A declaração causou polêmica.
Ricardo Vélez
✔@ricardovelez
Amo o Brasil e o nosso povo, de forma incondicional, desde a minha chegada aqui, em 1979 e, especialmente, desde a minha naturalização como brasileiro, em 1997. A entrevista à revista Veja colocou palavras minhas fora de contexto. Peço desculpas a quem tiver se sentido ofendido.
25,2 mil
6.536 pessoas estão falando sobre isso
Na semana passada, a ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Rosa Weber concedeu prazo de dez dias para que o ministro se manifeste sobre declarações dadas na entrevista. A manifestação do ministro é facultativa.
A solicitação foi motivada por uma interpelação judicial criminal protocolada na Corte pelo advogado Marcos Aldenir Ferreira Rivas. No entendimento do advogado, o ministro cometeu o crime de calúnia.
Por meio da assessoria de imprensa do Ministério da Educação (MEC), Vélez disse, também na semana passada, que ainda não havia sido notificado, mas que assim que fosse, responderia.
Agência Brasil e Correio do Povo


‘Efeito Carluxo’ derruba Bolsa

A crise política deflagrada pela demissão – até agora não efetivada – do ministro Gustavo Bebianno impacta o mercado, que já… [ leia mais]


Só sobraram Gleisi e Lula

Ao decidir que Gleisi Hoffmann deve continuar no comando do PT, Lula disse aos que ainda o visitam não concordar que o partido… [ leia mais]

Francisco anula decisão de João Paulo II. O papa pode ir contra um santo?

Em 1983, o padre nicaraguense Ernesto Cardenal levou uma bronca pessoal e pública de João Paulo II, por apoiar os sandinistas… [ leia mais]

REUNIÃO DE PAUTA: Demita, Bolsonaro

Mario Sabino e Diogo Mainardi estão na Reunião de Pauta… [ leia mais]

Bebianno pode aceitar embaixada

Gustavo Bebianno fez chegar ao Palácio do Planalto que aceitaria ser embaixador do Brasil na Europa como compensação pela… [ leia mais]

Onyx costura saída para Bebianno

Bolsonaro e Bebianno buscam ‘saída negociada’, diz colunista

Mourão sobre caso Bebianno: ‘De hoje não passa’

Bebianno diz que vazador de WhatsApp é ligado a deputada federal

Bebianno: “Não tenho medo de briga. Não me intimidam”

“Isso destrói a sua autoridade”


Bolsonaro vai levar a PEC ao Congresso

Jair Bolsonaro planeja ir pessoalmente ao Congresso Nacional na próxima quarta-feira, para entregar a PEC com a reforma da … [ leia mais]

Ministro da Educação: “Peço desculpas a quem tiver se sentido ofendido”

Ricardo Vélez Rodríguez, ministro da Educação, foi ao Twitter pedir desculpas “a quem tiver se sentido ofendido” pelas… [ leia mais]


Nenhum comentário:

Postar um comentário