sábado, 24 de novembro de 2018

STJ nega revisão de condenação de Lula no caso do triplex

Ex-presidente apresentou recurso especial para suspender efeitos até julgamento no STF

Resultado de imagem para Luiz Inácio Lula da Silva

Ex-presidente apresentou recurso especial para suspender efeitos até julgamento no STF | Foto: Nelson Almeida / AFP / CP

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Felix Fischer, negou nesta sexta-feira o recurso apresentado pela defesa de Luiz Inácio Lula da Silva que pede a revisão da condenação do ex-presidente no caso do triplex do Guarujá. O teor da decisão de Fischer, que é o responsável pelos casos relacionados à Lava Jato no STJ, ainda não foi divulgado.

Lula foi condenado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região a 12 anos e um mês de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro. Por determinação do juiz Sergio Moro, o ex-presidente cumpre pena provisoriamente na Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, desde 7 abril.

No recurso especial, encaminhado ao STJ no início de setembro, a defesa de Lula pediu que fossem suspensos os efeitos da condenação de Lula até que o processo seja julgado definitivamente na corte superior. Se o recurso fosse deferido, Lula poderia ser liberto e voltar a ficar elegível.


Agência Brasil e Correio do Povo


CARA DE PAÍS DESENVOLVIDO

XVIII- 29/18 - 23.11.2018

________________________________________

ESCOLHAS CERTAS

Decorridos pouco menos de um mês desde a eleição de Jair Bolsonaro e, pelas escolhas e/ou nomeações feitas até agora o nosso Brasil já mostra uma cara mais saudável, do tipo de quem está querendo, em breve, se tornar um PAÍS DESENVOLVIDO.

LIBERAIS AUTÊNTICOS

O fato de que a grande maioria dos escolhidos para compor a área econômica seja formada por LIBERAIS AUTÊNTICOS, ou seja de gente que sempre estiveram plenamente CONVENCIDOS de que o Brasil precisa, urgentemente, de um verdadeiro CHOQUE DE LIBERALISMO, me enche de enorme esperança.  

PAÍS MELHOR PARA TODOS

Como sempre defendi medidas LIBERAIS, também me coloco, de corpo e alma, entre estes CONVENCIDOS de que o resultado das ações que vem sendo propostas pelo futuro ministro Paulo Guedes terá impacto altamente POSITIVO para fazer do Brasil, a partir de 01/01/2019, um PAÍS EFETIVAMENTE MELHOR PARA TODOS.


COMEMORAÇÃO ANTECIPADA

Se os nomes até ontem anunciados já nos levavam a crer que o Brasil estará, enfim, se colocando na ROTA DO DESENVOLVIMENTO SUSTENTADO, onde o rasante e curto VOO DE GALINHA dará, enfim, lugar a um possível e pretendido VOO DE ÁGUIA, depois que tomei conhecimento de que Salim Mattar , dono da Localiza, será o SECRETÁRIO DAS PRIVATIZAÇÕES, aí resolvi partir para uma comemoração antecipada.

CARA NOVA E BEM MAIS LIMPA

Ainda que eu esteja analisando e festejando com mais ênfase as escolhas daqueles que vão compor o importante BLOCO DA ECONOMIA, faço questão de registar que a minha felicidade aumenta quando vejo que as nomeações para as importantes áreas da Justiça e Segurança e da Educação, por tudo que os governantes anteriores fizeram de mal, propositadamente, o Brasil, certamente, vai ganhar uma CARA NOVA E BEM MAIS LIMPA.

FÉRIAS

Sei, perfeitamente, que é preciso esperar mais um pouco para ver as propostas serem transformadas em ações. Mais: preciso ser paciente para entender que as medidas que precisam ser aprovadas pelo novo Legislativo só poderão ser apreciadas a partir de fevereiro. Tudo porque, no nosso empobrecido Brasil, antes de começar a trabalhar os parlamentares saem de férias. Pode? 

MARKET PLACE

CONFIANÇA DA INDÚSTRIA - A prévia do Índice de Confiança da Indústria (ICI) sinaliza alta de 0,6 ponto em novembro em relação ao resultado de final de outubro, a 94,7 pontos, informou a Fundação Getúlio Vargas. Se confirmada, será a primeira alta do indicador desde maio deste ano. O resultado preliminar reflete a melhora na avaliação dos empresários apenas em relação às condições presentes, já que houve piora na percepção em relação ao futuro.

FRASE DO DIA

Não perguntes o que a tua pátria pode fazer por ti. Pergunta o que tu podes fazer por ela.

John Kennedy

Nenhum comentário:

Postar um comentário